(21) 2239-2191 contato@couveflor.com.br
Seg - Sex / 11:45 às 16h, Sab - Dom / 11:45h às 18h

Blog

Cultura Gastronômica
02
maio

Wine Run: corrida em regiões vinícolas brasileiras

O vinho está ligado à saúde. Os benefícios do consumo moderado já foram decantados inúmeras vezes. Aliar isso ao esporte torna tudo ainda mais prazeroso e saudável. E quando se une isso ao lazer, ao turismo, melhor ainda. Aí está a fórmula do sucesso da Wine Run.

Criada em 2012, pela revista ADEGA e pela Zenith, a primeira meia-maratona realizada em meio a vinhedos no Brasil logo se tornou uma referência no País, desde a primeira edição, disputada no Vale do Vinhedos, onde os corredores puderam desfrutar dos encantos da Serra Gaúcha, até agora, com a última promovida no Nordeste brasileiro, em meio às lindas paisagens do semiárido banhadas pelas águas do formoso e histórico rio São Francisco.

Em apenas dois anos, a prova se consagrou, tanto que logo no segundo ano, 2013, ela se ampliou com duas corridas, uma no Rio Grande do Sul e outra na Bahia, integrando duas regiões vitivinícolas. No Vale dos Vinhedos, com uma estrutura de turismo já muito forte, a demanda por inscrições foi tanta que dois meses antes atingiu o limite. No Nordeste, não foi diferente. “Fomos o evento que mais inscreveu participantes na região, até hoje”, aponta Freddy Carvalho, gerente de marketing da Wine Run.

Esporte, vinho e turismo

A fórmula da Wine Run segue a tendência de outras corridas cujo tema é o vinho mundo afora, como, por exemplo, Lanzarotte (Espanha), Pardubice (República Tcheca) e a Caminos Del Vino (Mendoza, Argentina). Durante um fim de semana, atletas amadores e profissionais aproveitam não somente para participar de uma prova que encanta por sua beleza paisagística, mas também podem desfrutar de momentos de lazer enoturístico. Assim, é oferecida aos competidores uma programação completa, incluindo palestras temáticas, visitas guiadas às vinícolas, jantar de massas e festas que integram o visitante à cultura da região. No Vale do São Francisco, por exemplo, um dos pontos altos foi o forró borbulhante.

Às margens do Velho Chico

Prova realizada no Nordeste teve o rio São Francisco como pano de fundo

A última prova, realizada em 16 de novembro de 2013, atraiu 800 participantes e, entre eles, nomes fortes da elite do atletismo nacional, como o baiano Giomar Pereira, que se consagrou hexacampeão brasileiro antecipado do ranking nacional de Corredores de Rua, e o pernambucano Edson Amaro, bicampeão da Maratona Maurício de Nassau.

Eurico Benedetti, da Vinícola Miolo, mostrou-se satisfeito com os resultados do evento. “É um evento excepcional. Divulga não só a região e a minha vinícola, mas o município e, por extensão, o estado. Saúde e esporte têm a ver com o bem-estar. Com certeza, o vinho é um atrativo a mais, os atletas passaram no meio dos parreirais e isso deixa a corrida com mais glamour”, opinou.

Calendário 2014

Neste ano, duas provas estão confirmadas. A primeira será novamente no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves, no dia 5 de abril. A segunda, no Vale do São Francisco, porém, desta vez em Lagoa Grande, Pernambuco, no 6 de setembro. As inscrições já estão abertas no site
www.winerun.com.br

Artigo publicado na revista ADEGA

Leave a Reply


+ sete = 12